Primeiro... Segundo lugar?


Segundo trecho

Salve salve nação runners, estou aqui para mais uma postagem. vamos falar deste final de semana onde rolou a Meia Maratona de Curitiba Subway. Montamos um trio eu, Marta e Tais, só que a lindona da "Tais" machucou na semana passada no triathlon e tivemos que correr atrás de uma substituta, dai sugeri a Adriana Bratti que é super forte, não deu outra, fomos o trio feminino campeãs...Pera ai, campeãs?!!! Como assim? Pera, vou explicar, saiu uma listagem no final da prova e estávamos lá como primeiras colocadas no trio feminino, SQN uma outra equipe feminina que não constava na listagem foi lá reclamar e acabamos perdendo a colocação...Oh god! Não acreditei e fui ver com a organização o que havia ocorrido, sem muitas explicações acabei voltando calada e pedindo para minhas parceiras aceitarem, por mas que a Adriana havia nos dito que tinha passado na terceira participantes delas, que é algo que não duvido pois a Drica é power!

Subimos no pódio, conformadas mas sabendo que fizemos a nossa parte lindas, leves e loiras e morenas...Rss,

Antes de fazer o seu segundo trecho, eu "comi bola" e perdi a carona para a troca e tive que correr 5km até lá, aproveitei e fui fazendo um aquecimento bem leve. Fiz o meu trecho de 7km em 32 minutos (ótimo), um dia antes fiz 14km. Depois que passei o bastão para Adri (terceira corredora), resolvi voltar até a largada correndo, foi tão gostoso vi muita gente conhecida e aproveitei no km 17 puxar meu amigo fotografo Tiago.

Fechei o final de semana com quase 35km, apenas fiquei com uma lesão que esta há um bom tempo comigo, tratar né!


Obrigada Leandro Nascimento meu treinador, Mel minha "nutri", Felipe meu treinador de musculação e claro meu patrocinador Ticket Agora :D


Adriana Bratti, Marta Kato e eu feliz na vida



Altimetria PUNK

Foto: Chris Volpe

Até que fim cheguei para fazer um relato de como foi a primeira Golden Run Asics. Cara não tive tempo a semana passada e agora vou mandar vê na minha experiencia. Meu objetivo era  baixar o meu tempo na meia, para isto vinha fazendo os meus treinos correntinhos, longos nos finais de semana até nutricionista, bem mas não foi como eu gostaria que fossem, aliás meu tempo foi lá em cima. Como eu havia feito uma cirurgia dentaria duas semanas antes dai "miou" literalmente meus planos, tive que ficar de molho sem almenos caminhar. Dai corri da do Santo Dumont para treino e peguei uma gripe dai mais uns dias de molho.

Acabei me convencendo de que não rolaria baixar a meia menos de 1h49, me conformei e rodei na companha da Carla Rodrigues e Joyce Ribeiro. Vamos na boa, sem estresse e sem querer bater tempo. Curtindo por cada lugar que passávamos em São Paulo, sorrindo para as fotos e apreciando tudo ao nosso redor. A subida da Brigadeiro não foi tão impactante como imaginei, fui no pace baixo, claro era um pouco pesada mas fomos. Na hora de colocar o sal na boca a minha capsula estourou e acabei ficando sem, apenas chupando "jujubas" no lugar do gel que na verdade não me dou muito bem. Levei a minha água e nos pontos só pegava o isotônico mesmo.

Já no final no km 19 pegamos um túnel que parecia não ter fim, até chegar no meio dele e seu senti a minha pressão cair de uma forma que me fez dar uns cinco passos de caminhada, cara eu não acreditei que no final o meu corpo pedia para caminha, mas as meninas me acudiram e me deram um sal que a Joyce havia guardado, foi o que me salvou e aos poucos fui recuperando com ajuda das meninas, mas não queria chegar antes das 2h, e acabamos finalizando a prova em 1h59m04s (na laaaaaaaaaaata). Ainda parei para dá entrevista para Webrun e tirar umas fotos, uau fiquei por três dias com dores musculares como nunca tive, gente acredito que estava travada por conta da ausência de treinos e a gripe, fora isto o evento foi maravilhoso e agora aguardar para meia de Brasilia que sera a minha "vingança" da minha primeira meia que eu fiz em 2h11.

Agora vamos aos treinos.

Joyce Ribeiro, Carla e eu parceria até o fim


Depois da gripe veio o troféu

Pódio

Depois de passar o sábado toda de cama tratando da gripe que ganhei na sexta na prova do CIDACTA, resolvi acordar cedo e ir para Tujucas do Sul em uma prova Cross Country. Fazia um bom tempo que não ia para aqueles lados, que na verdade o percusso que eu fiz neste domingo eu já havia feito há uns 6 anos atrás lá no começo da minha vida de corredora. Corria pensando o quanto eu curtia aquela tipo de prova, já hoje eu curto pista e reta. Havia muitas subidas e descida meio " em falso". Quando eu larguei fui atrás do homens, não havia nenhuma mulher perto de mim para minha alegria, mantive o pace e fui na boa sem procurar me matar, apesar de que eu já tinha feito uma prova na sexta e forte eu estava ali para mais um dia de treino.

Quando eu vi que a segunda colocada estava estava uns 100 metros de mim, eu não tive dó e fiz as últimas subidas na raça queria ganhar mais um troféu de campeã aquela dia, eu merecia pelo meu esforço e dedicação. Eu já tinha sofrido por não ter treinado uma semana queria mostrar para mim  mesma que seria meu aquela troféu.

Uhuuu, abri para segunda e colocada que no final me abraçou e trocamos algumas palavras. Foi bem legal, o clima estava gostoso não tão frio e nem calor consegui fechar em 35 minutos e alguma coisa. Uau, já tinha feito 12km do meu treino do final de semana e faltava 8k para fechar a planinha, confesso que a vontade era grande mais o meu corpo precisava de descanso pelo gripe que não estava curada e outra coisa domingo tem a Golden Run a meia maratona em São Paulo que era meu foco.

Bom foi isso ai, mais um para coleção.

Agradecimentos:
Leandro Nascimento - Assessocor Assessoria Esportiva
Felipe - Academia Body Line
Ticket Agora - Assessocor.com.br
Mel PIinesso - Nutricionista

De última hora para rodar

Chegada muito fria
Estava quieta ao receber o convite para participar da 1ª Corrida Santos Dumont CINDACTA em Curitiba, uma prova que menos de 3 horas as inscrições já estavam esgotadas, realmente seria uma prova diferente pois começou a largada as 22h da noite a base de muito MUITO frio mesmo.

Cheguei a pensar se iria ou não devido ao frio que estava naquela noite de sexta-feira, mais pela rodagem e a companhia da galera eu FUI linda e bem agasalhada (fora da pista). Gente não lembro quantos graus que estava aquela noite, a única coisa que me lembro foi ter largado no fundão por ter perdido tempo na fila do banheiro e claro ir para rodar, fiquei lá trás juntos com meus amigos. Mas na hora da largada, não tive pena, fui cortando um em um até o corpo esquentar. Nossa não sentia meus pés de tão gelados que estavam e quase que cheguei a parar por conta do frio, mas minha vontade era maior então fui pegando um à um, era uma emoção legal largar bem no fundão e ir "catando' a galera no meio do cominho, mantando o pace na casa dos 4.

A lanterna ajudou um monte, pois passávamos por dentro da pista do aeroporto do Bacacheri, foi tão mais TÃO gostoso correr lá dentro, nessas horas não tinha mais frio o corpo estava super quente. Quando cheguei fui direto para a área coberta peguei o isotônico e deis uma sequencia de espirros e corri para pegar o meu agasalho meu corpo estava querendo gripar para minha tristeza.

Depois fomos comer pizza com a galera e peguei e casa fiz um chá e tomei um anti gripal. No dia seguinte estava "malzona", fiquei praticamente de cama tomando remédios e chás para ficar boa para o dia seguinte, pois tinha uma prova que conto em sequencia. Era para fazer 20k de treino, não rolava de forma alguma fiquei tranquila na minha caminha conforme mandava o patrão.

Fiz um bom tempo, 22:41 e peguei uma colocação legal mesmo em uma prova na qual larguei no fundo,noite fria e com  muitas meninas fortes. Foi muito bom mesmo, gostei do meu desempenho por mas que tenha passado uma semana parada por conta de uma cirurgia dentaria (parada total)...Enfim, amei mesmo pegando uma gripe chata!

Agradecimentos:
Leandro Nascimento - Assessocor Assessoria Esportiva
Felipe - Academia Body Line
Ticket Agora - Assessocor.com.br
Mel PIinesso - Nutricionista



Medalha muito show!

Correr em Sampa é TDB!

Apenas eu no final

Olá galera do mundo runners, estou aqui novamente para relatar a corrida no qual eu participei neste domingo dia 9 em São Paulo. Eu já estava em Sampa à trabalho e durante a semana eu deu uma treinadinha. Quinta-feira seria treino de tiro (1x3000 - 1x2000 - 1x 1000), Dai, como não havia pista ou alo parecido, fui treinar na escadaria da Sumaré. Fiz umas três séries e mandei bala (SQN). Já na sexta-feira fui à academia e o que eu fiz?! Agachamento...Não era GURIA! Sinceramente não sei o que rolou na minha mente e fui treinar perna dois dias antes da prova. Sábado rodei 20k da Avenida Sumaré até o Parque Ibirapuera. Claro de lá dei algumas voltas a mais para finalizar o treino.

Domingo acordei as 5h e fui na prova com sede do rodar os 5k. O meu esposo me acompanhou e finalizou os 15k em 01h05 (ficou tão feliz, e claro que eu também).

A prova foi muito boa, o percurso era "bate e volta". Na largada só tinha as feras de SP, e confesso que fiquei bastante nervosa e sabia que ali não rolaria nada, nem baixar o meu tempo. Até porque não poderia me cobrar muito, pois fiz um treino bem pesados nos últimos dias e ainda rodei super bem para 23 certinho. Acredito que outra pessoa não conseguiria fazer o tempo que eu fiz, com as coxas pesadas como eu estava.

Na largada senti uma sensação estranha, fiquei bem preocupada, pois nunca me senti daquele jeito e estava pensando no que estava me caucionando aquilo. No km 2 passou, sai segurei e fui de boa, mesmo sendo passada pelas feras. Como era bate e volta, eu contei todas as mulheres que estavam na minha frente, e claro que eu tive o controle absoluto da situação. No km 4 fui ultrapassada , ficando em oitava geral feminino, dai tudo bem já não tinha a minima chance, o lance era ficar feliz em chegar entre as 10 primeiras colocadas.Não sei quantas mulheres tinha, mais eram bastante, vi quando estava voltando.

No resultado, não seio que houve, eu estava em 10ª geral (Mas coma??!!), claro que não considerei o tempo pela organização, pois eu CONTEI as mulheres que estavam na minha frente e não estava engada, algum "bonitinho" correu com  chip de mulher. Tudo bem, o que importa que eu estava ali, feliz e sabendo que a minha missão foi comprima e exata 23 minutos...Uau!!!

Esta semana estou de "molho", fiz uma cirurgia no dente e por isto 3 dias OFF (estou pirando), já me sinto gorda e fora de forma. Mas, será para meu bem :)

Agradecimentos:
Leandro Nascimento - Assessocor Assessoria Esportiva
Felipe - Academia Body Line
Ticket Agora - Assessocor.com.br
Mel PIinesso - Nutricionista


concentração total

Reveza meninas!

Segundo lugar revezamento feminino

Preparadas fomos a luta, nossa foi treinos e preparação. Semana passada não fiz nenhum treino de pista nem rodagem, apenas fortalecimento na academia. O que houve? Bom, é  uma longa história. Eu tenho alergia ao frio e por isso as extremidades do meu corpo sofre, no caso os dedos das minhas mão es pés. Mal conseguia andar com os dedos dos pés inchados resolvi não arriscar e forçar e ir apenas treinar na academia, mais no sábado eu fui rodar 20k mesmo com um pouco de inchaço nos dedos dai no domingo eu participei no Circuito Brasil.

Eu e a Carla (minha parceira de dupla), ficamos bem ansiosas ao mesmo tempo tranquila. Chegamos no evento 30 minutos antes, aqueci e decidi largar primeiro. Fiquei no meio da galera um pouco na frente, mas não na "comissão de frente" queria ir de vagar, mas acabei saindo com o pace de 4:10 e fui mantendo a casa dos 4. Durante todo o percurso passei 3 mulheres do revezamento, não sabia dizer se era feminino ou misto mas passei.

No km 3 uma mulher me passou, deixei por que sabia que seria dos 5k, mais adiante um homem me falou que setia a quinta colocada, dai mostrei para ele que era era do revezamento e estiquei um pouco mais para manter o primeiro lugar. Quando passei o bastão fui descansar e esperar esperar a Carla para chegarmos juntas e comemorar. Durante a prova ela foi ultrapassada por uma outra menina (que pegaram o primeiro lugar), de longe vi a Carla tipo mancando e senti que algo havia acontecido. Fechamos em 46min39seg.

Valeu Carlinha pela parceria, Ticket Agora a maior plataforma de inscrições de corridas online e Assessocor..

Próxima aventura? New Balace 15k em SAMPA!!!

Brincando antes da premiação

Campeã sem saber!

Foto: Junior Milton -Minouro

Em um jantar na quinta-feira com os organizadores da Elite Evento, surge o convite de ir participar do Circuito Brasil etapa Curitiba, eu fui mesmo treinando para a meia da Golden Run que acontecerá no final deste mês em São Paulo decidi ir encarar apenas 4km, fazia parte do meu treino de domingo.

No sábado (um dia antes da prova), fui rodar 20 km como mandava a minha planilha. Quando cheguei em casa dormir a tarde quase toda e não consegui dormir muito bem e como estava para pegar carona acabei me levantando as 5h e fui para a prova que era do outro lado de Curitiba. Cheguei com aquela cara de sono, mas fui!

Encontrei algumas pessoas conhecidas, comprimente e fui dá um auxilio para a organização antes de me aquecer. Como estava vem frio fui aquecer 30 minutos antes da largada, dai já estava me sentindo mais solta, mesmo correndo 20k um dia antes eu sabia que conseguiria ir bem.

Não sai muito na frente, fui eliminando as "escolhidas" conforme eu podia, já sabendo que seria as dos 8km deixei passar e procurei manter o meu pace tranquilo sem querer ir com sede ao pote (estou trabalhando muito o meu psicológico). Fui mesmo sentindo um pouco de dificuldade nas subidas não desisti e mantive o ritmo não deixando nada cair mantendo o 4 lugar geral da equipe feminina dos 4 e dos 8.

Havia uma que estava na minha colo e toda vez que ouvia a sua respiração eu puxava, era bem engraçado e abri muito dela e claro mantendo aquele ritmo. Na hora da chegada atravessei o pórtico achando que seria segunda ou terceira colocada e foi quando o locutor falou que eu seria a primeira mulher a chegar dos 4km. Confesso que fiquei bem surpresa e ao mesmo tempo super contente fechando em 19 minutos e 24 segundos. Nossa estava muito contente, sabia que iria rolar pódio, mesmo deixando de ir surfar com o meu maridão, eu sabia que ele me mandaria boas energias.

Obrigado aos meus patrocinadores Ticket Agora e Assessocor.com.br
Treinadores Leandro Nascimento e Felipe (academia BodyLine)
Minha nutri Melissa (mel)
Papai do céu acima de tudo e claro minha linda e maravilhosa família que mesmo longe me manda boas vibrações.

Mordendo a medalha de muitas felicidades

Uau a meia maratona mais baixa.

Chegada com a Carla
Voltei, foi jogo rápido, vamos lá relatar um pouco sobre a Meia Martona de Floripa. Para mim, ficará na história e mostra que e eu fizer tudo "certinho" eu chego a onde eu quero. A prova da semana passada (Corrida do Artilheiro), fiz para treino e brincando e consegui um bom resultado. Isto mostra que o meu psicológico quando é para competir sempre me abala e não consigo atingir o resultado no qual crio expectativa. O lance é não levar tudo a sério.

Semana passada rodei de treino 60k durante toda a semana, isto com treinos de rodagens e tiros. Já esta semana na meia, não fui tão firme, mantive os treinos de fortalecimentos na academia e rodava menos. Meu foco seria rodar os 21k no domingo para 2h. Já havia combinado com o Wagner (minha cia de corrida), que iriamos juntos sem pressa na brincadeira. Sai no primeiro pelotão "quênia", o Wagner feio junto e largamos brincando, cantando e conversando um pouco até a Carla Rodrigues nos alcançar. Continuamos até alguns kms juntos, registrando imagens com a GoPro, foi muito legal, até eu senti que poderia ir mais além e fui atrás da Carla segurando no nosso ritmo que não saia da casa dos 4 e 5 (uau). Fomos juntas o todo todo buscando e conversando tranquilas. No km 15 fomos formos e decidimos ir baixar  o tempo de casa uma, eu já tinha mudado minha de ideia queria agora baixar o meu tempo nos 21k... Fomos lindas e belas passando homens e mulheres mantendo um bom pace e eu nem estava acreditando que estava mentando o meu sub 2.

Fechamos em 01:50 no meu Garmin, isto no tempo bruto no resultado final 01:49:19. Nossa nem acreditei, era só para rodar! Só não entendi que o tempo da Carla veio diferente do meu, ela largou bem atrás de mi, chegamos juntas e ela teve o tempo liquido 01:48 (???), sei lá, o importante que AMEI em manter o sub 2. Agora me inspirei para fazer mais rodagens nos finais de semana. Dia 02 tem a Joinville Nigth Run, vamos revezar 5km, temos chances e vamos buscar. Agora na meia, meu fico é a Golden, bora baixar mais 2 minutos.

Uhuuuu, FOCA NA MEIA!!!

Valeu Ticket Agora e Assessocor e Assessocor Assessoria Esportiva. Meus treinadores Leandro e Felipe...Show, show!


Depois da rodagem voei.

Sprint final.


Olá runners, voltei depois de pular duas publicações, na verdade estou com falta de tempo para as postagens do meu Blog, mas não deixarei de dá notícias mesmo atrasada. Participei da Corrida do Artilheiro no domingo dia 05 depois de rodar no dia seguinte 20 km  na companhia do meu amigo Wagner. Na verdade a minha intenção seria apenas rodas 5km para fechar o final de semana 25km. 

Durante a semana conversei com o meu treinador Leandro Nascimento se eu poderia fazer este tipo de treino, ele me liberou e me falou que poderia fazer um bom tempo no domingo por esta "solta" do longão. No sábado fizemos 20km em 02:02:05 (boa rodagem). No dia seguinte acordei sem dores nenhuma e mesmo com a garoa fina e frio eu acordei as 5h30 e fui para a corrida com a cara e a coragem. Como eu havia ganho a inscrição (Elite Eventos me apoiou), pesi para rodar 10km já que poderia ter chances de ganhar na categoria e sem chances de pegar algo nos 5k por esta super forte.

Resolvi puxar a minha colega de assessoria Carla Rodrigues, fomos mantendo o pace e segurando durante toda a corrida. Ela estava meio "insegura" pelo fato de acabar de passar por uma lesão na tibial direita, Fui ao lado dela puxando até o km 7, foi quando não consegui segurar e falei para ela que iria buscar algumas mulheres que haviam nos passado lá trás. Puxei super forte e no final peguei 8 mulheres (uau), Nunca aconteceu isto comigo, este gás e no final puxei um SPRINT de 200 metros, passando homens. Realmente estava muito solta e fazer o longão no dia antes deu certo.

Bom, minha preparação para a Meia de Floripa deu certo! Que venham mais e mais experiencia desta.

Valeu Leandro Nascimento meu querido treinador e ao Felipe meu "fessor" da academia.
Ticket Agora e Assessocor inscrições online pela força de sempre e a confiança.
Assessocor Assessoria Esportiva pelos treinos shows de bola!

Que venha a próxima!


 

A pressão não aguentou.

Imagem de cansada

Cheguei a conclusão de que corrida Trail não é a minha praia. Foi um "fiasco" a minha prova Amazing Runs etapa Ilha do Mel. Estava bem preparada, ansiosa com medo de correr na chuvas, pois um dia antes caiu um temporal em Curitiba, e acreditava que na Ilha do Mel poderia esta da mesma forma. No sábado (houve 21k) estava um dia LINDO, com direito a sol e tudo mais, me deixou aliviada e ao mesmo tempo tensa. Fomos no "bale e volta", o meu esposo estava em curso o dia todo no sábado. Acordamos cedo e fomos, pegando um temporal na estrada,

Atravessamos para a Ilha e  não estava chovendo, para a nossa felicidade até a largada o tempo não apresentava chover. O percurso inicial era na areia da praia. Eu era a segunda colocada atrás do meu marido que liderava a primeiro lugar geral, Até uma participante me passar, não estávamos muito distantes até entramos na trilha e senti que deu uma grande quada na minha pressão, Cara nunca houve deixei isso comigo, deixei passa e tentei seguir da mesma forma, penando em abandona a prova mesmo estando em sexto lugar. Quando eu pensei abandona para da um tempo e tentar procurar voltar a ficar boa. Vi adiante a quinta colocada já quebrando, não pensei duas vezes, fui adiante mesmo passando mal para garantir o meu lugar no pódio. Cheguei quebrada, morta, passando mal MESMO até a enfermeira vim me auxiliar. Fiquei super frustrada, chateada mas entendi que não tive culpa de ter passado mal.

Finalizei em quinto lugar com o tempo de 00:28:27, foi garra e muita luta quase inconsciente cheguei! Uhuuuu

Valeu Ticket Agora minha patrocinadora, Assessocor inscrições online e assessoria esportiva. 
Leandro meu treinador e Felipe meu personal da academia.

Agora é treinar para a Meia Maratona de Floripa!

Hora da premiação antes do temporal